Cabelos

Os Cabelos são formados no interior dos folículos pilosos (bulbo), que podemos chamar de pequenos tubos que ficam encaixados na pele. A parte mais profunda do folículo é responsável pela formação e crescimento das células e a medida que se formam deslocam outras células através do folículo as quais sofrem um processo chamado QUERATINIZAÇÃO transformando-as em cabelos e ao atingir a superfície é lubrificada naturalmente pela secreção produzida pelas glândulas sebáceas que é uma proteção natural dos cabelos. Cada fio de cabelo em média tem uma vida de dois a cinco anos. Depois deste período o folículo que produziu se retrai, entra num período de recesso e o cabelo cai. Desta forma é normal a queda dos cabelos em torno de 50 fios por dia. Quando o folículo piloso entrar em ação, vai crescer um novo fio de cabelo.

O cabelo divide-se:

estrutura cabelo

A) Haste: é a parte visível (é a parte que aparece do cabelo).

B) Raiz: é a parte interna, fica situada na derme.

C Bulbo: é a parte profunda e ligeiramente inchada da raiz, é a parte viva do cabelo.

A Haste ainda se divide em três camadas:

– Cutícula: que é a camada externa

– Cortiça ou Córtex: é a camada interna

– Medula: que é a camada central do cabelo

haste

Formato dos Cabelos

O formato dos cabelos assim como a espessura e direção do crescimento depende do formato do folículo piloso.

a) cabelo liso: tem o corte circular, desenvolve-se de um folículo reto.

liso-perfeito

b) cabelo ondulado: este cabelo tem o corte em forma elíptica, desenvolve-se de um folículo curvo.

cabelo ondulado

c) cabelo crespo: tem o corte em forma achatada, desenvolve-se de um folículo naturalmente curvo.

Cabelos-crespos

Estrutura da glândulas

Na hipoderme, parte mais profunda da derme, existem glândulas sebáceas formadas pela associação de numerosos lóbulos que expulsam uma secreção conhecida como sebo que é enviado para o folículo piloso, através de um canal. Este sebo é uma proteção natural dos cabelos e couro cabeludo, entretanto quando esta secreção é exagerada pode ocorrer acúmulo de sebo no couro cabeludo fechando os poros, dificultando o crescimento dos cabelos e podendo até acelerar a sua queda.

A oleosidade excessiva depositada no couro cabeludo torna os cabelos excessivamente pesados dificultando o penteado mais elaborado.

cabelo oleoso

Nutrição dos Cabelos

Não é novidade que os cabelos são formados de células e que elas necessitam de alimentos.

Esta alimentação se dá através do sangue, via pequenos vasos capilares arteriais. A papila do cabelo recebe estas substâncias nutritivas através de uma irrigação sanguínea, produzindo automaticamente novas células e por sua vez o cabelo.

Uma forma fácil e útil de ajudar a nutrição normal e o crescimento do cabelo é através de uma massagem. Esta deve ser feita na hora da lavagem dos cabelos ou mesmo à noite, quando faz-se a escovação, antes de dormir.

massagem capilar

Porosidade do Cabelo

É relativa à sua capacidade de absorção de elementos químicos nele colocado.

cabelo poroso

Podem ser:

– Normal: aquele que absorve de forma regular os líquidos.

– Poroso: é aquele cabelo que absorve rapidamente uma grande quantidade de líquidos, por outro lado demora mais a secar.

porosidade

– Impermeável: é um tipo de cabelo que demora um pouco mais para absorver líquidos nele derramado.

Elasticidade dos Cabelos

A elasticidade dos cabelos é a propriedade que tem o cabelo de voltar ao estado natural depois de esticado.

Componentes Químicos dos Cabelos

– Carbono 50,80%          – Nitrogênio 17,14%          – Enxofre 5%

– Hidrogênio 6,56%        – Oxigênio 20,65%             – Azoto 17%

Queratina:

É uma substância de grande importância na formação do cabelo. É rica em enxofre e azoto. É a proteína que dá resistência aos cabelos. Temos dois tipos de queratina:

a) Queratina A: é bem resistente, responsável pela haste do cabelo.

b) Queratina B: esta é bem ao contrário, é mole, que vem a ser igual a queratina da pele.

Melanina é a pigmentação que dá cor natural aos cabelos, temos dois tipos de pigmentos.

a) pigmentos granulares, que dão cor escura ao cabelo.

b) pigmentos difusos, que dão cor clara aos cabelos.

Qualquer dúvida ou curiosidade, escreva um comentário ou mande um email que responderei com muita disposição.

Abraços e Beijos e até o próximo Post!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s